O valor do dólar vem crescendo e, se você é o do tipo de investidor que buscar por novas estratégias, o investimento em moeda americana pode ser uma oportunidade.

Aplicações nesta moeda não estão limitadas às compras em casas de câmbio. Os ativos e aplicações internacionais são alternativas que podem oferecer menor risco quando comparado ao real.

O investimento em dólar pode ser visto com bons olhos no mercado, já que a moeda tem grande significância na economia mundial. Entenda como funciona este tipo de investimento nesta matéria!

Por que investir em dólar?

A primeira coisa que se deve ter em mente ao investir em dólar é que, por se tratar de uma moeda estrangeira, seu valor pode variar e, por isso, existe o risco cambial. Risco de câmbio nada mais é que a incerteza do valor da moeda perante o mercado devido a possíveis oscilações.

É importante ressaltar que o dólar é considerado a moeda mais forte do mundo. Por conta disso, as principais bolsas de valores mundiais se orientam por ele nas pautas de investimento e políticas.

É interessante possuir uma reserva em dólares já que, mesmo que haja certo controle em sua cotação, há também a expectativa frequente de sua alta. Algumas pessoas operam em renda passiva, onde lucram com a simples variação cambial.

A recomendação é apostar neste tipo de investimento quando já se tem outras formas – como ações, renda fixa ou outros ativos – já que a diversificação é a chave.

Confira se o investimento em dólar está de acordo com o seu perfil de investidor. Se você ainda não conhece, é possível fazer o levantamento do seu perfil pelo Super App do Inter.

O perfil de investidor é o resultado da avaliação de seus objetivos e comportamentos na hora de investir, ele também leva em consideração os riscos para o tipo adequado de carteira de investimento.

Como investir em dólar no Brasil?

Mais simples do que se possa imaginar, não é necessária nenhuma operação com dinheiro físico e é possível realizar com atendimento em português.

Existem caminhos diferentes para investir no exterior , conheça algumas opções:

Ações

Invista em ações de players do mercado empresarial mundial. A variedade é enorme, já que são mais de 5.000 empresas listadas.

Desta forma, você se tornará um acionista de uma destas grandes corporações e poderá acompanhar sua rentabilidade e valorização dos papeis junto ao dólar.

É importante que você se atente aos riscos envolvidos na operação, já que, tanto a cotação do ativo quanto a do dólar oscilam bastante, podendo gerar retornos negativos.

ETFs

Os Exchange-Traded Funds são os fundos de ações atrelados à específicos índices econômicos. Sua tradução livre é fundo negociado em bolsa.

Estes índices podem variar conforme o mercado, o país, as moedas, papeis públicos ou demais ativos, portanto estão sujeitos à riscos, taxas de administração e flutuação do mercado.

Os ETFs administrados por uma gestora especializada e os investidores fazem parte de um coletivo, ou seja, cada pessoa de um grupo de investidores adquire uma espécie de cota de participação. Os valores podem variar conforme o produto e a tendência é que sejam muito negociadas.

REITs

Real Estate Investment Trust, em sua tradução, são os fundos de investimento imobiliários.

Nesta opção há a oportunidade de investimento em imóveis promissoramente rentáveis.

Vale lembrar que, como trata-se de imóvel, há o ponto de atenção e a necessidade de monitoria visto que o setor imobiliário é um dos mais sensíveis e, portanto, está sujeito a risco.

Além do risco imobiliário, deve-se considerar o risco de cotação do ativo e da taxa do dólar.

ADRs

American Depositary Receipt é o certificado de ações que possibilita a negociação dos títulos na Bolsa Americana.

Geralmente são emitidos por bancos localizados nos Estados Unidos por meio de recibos de ações. Desta forma, há um relacionamento facilitado entre empresas estrangeiras e investidores.

Ou seja, nesta opção é possível a aquisição de ações de empresas estrangeiras com grande foco para as corporações atuantes nos EUA que desempenham bons resultados conforme a alta do dólar.

O que é o dólar em alta?

Para se relacionar com a moeda mundial é importante entender um pouco mais sobre as variações cambiais e sua força de mercado.

Por exemplo, quando dizemos – aqui no Brasil – que o dólar está alto, significa que a força da moeda é superior ao real. Desta forma, é necessário possuir uma quantidade maior de real para se adquirir um dólar.

Esta situação pode acontecer tanto pela moeda estrangeira ter ganhado força como pela moeda nacional – o real – ter enfraquecido. É possível também que haja os dois movimentos em um só momento mercadológico.

Mas afinal, o que faz uma moeda ganhar ou perder sua força?

Uma série de índices são considerados para a valorização ou não de uma moeda, como por exemplo:

  • Inflação;
  • Desemprego;
  • Taxa de juros;
  • Performance de atividades de mercado – importações e exportações;
  • Solidez financeira;
  • Reserva monetária.

Em suma, a qualidade da moeda está diretamente ligada a qualidade de seu governo. Ou seja, as posturas, decisões e questões governamentais afetam valorizando ou não a moeda local.

Atividades relevantes que acontecem nos EUA são reverberadas mundialmente. A economia norte americana é, historicamente, robusta e estável. Isso oferece muita confiança e segurança econômica ao mercado.

Estude o mercado

Se você ainda não tem o hábito de investir fora é importante balancear os riscos e as oportunidades conforme o seu perfil de investidor.

Por conta da forte atratividade que a moeda oferece, algumas pessoas podem optar em reproduzir comportamentos do mercado e essa atitude pode não ser a mais inteligente, visto que, como apresentado acima, pode haver grandes variações conforme cada momento.

A dica é: esteja por dentro do que acontece. Mudanças repentinas e retrações podem surgir e conhecendo melhor a dinâmica cambial é possível minimizar os riscos.

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos completos sobre investimentos, educação financeira e novos produtos

Gostou? Compartilhe
Assuntos relacionados
Para simplificar a vida Inter Invest
6 dúvidas sobre investimentos no exterior

Você vai investir no exterior com mais facilidade e segurança depois desse texto ...

Leia mais
Para simplificar a vida Inter Invest
Como e por que investir no exterior?

Preparamos um material pra você entender como funciona os investimentos internacionais....

Leia mais
Para simplificar a vida Inter Invest
Dividendo em dólar: Entenda o que é e como receber

Saiba como e porque dolarizar sua carteira para receber um dinheirinho extra em dólar!...

Leia mais